sexta-feira, 21 de novembro de 2008

Bertrand estende rede a cidades do interior

" Fecham casas livreiras, enormes como a Byblos, outras abrem as portas ao público de forma mais discreta, mas eficaz. É o caso da rede de livrarias Bertrand, que já ultrapassou a fronteira, e continua a crescer mesmo em tempo de crise. Hoje, reabre a sua loja, renovada e mais ampla, no centro comercial dos Olivais, em Lisboa. Até ao final do ano, inaugura mais uma casa, desta vez na cidade das Caldas da Rainha.
Ernesto Damião, um dos responsáveis do departamento comercial, refere que a política do grupo, nos próximos tempos, sem esquecer os grandes centros onde tem reforçado a posição, é continuar a expansão nas « cidades do interior, de média dimensão ». ( ... )
Não são espaços muito grandes. « A nossa livraria ideal tem 200 metros quadrados », diz Ernesto Damião. E, normalmente, instala-se em centros comerciais. De momento, espalhadas por todo o País, existem 54 livrarias da Bertrand. ( ... )
Lojas com uma área de 200 metros quadrados, segundo o responsável do departamento comercial, « permite-nos ter, além de espaço para as novidades, um fundo razoável de livros ».
( ... )

Artigo retirado do jornal "Diário de Notícias" (21.11.2008)

Sem comentários: