domingo, 2 de novembro de 2008

" Contudo, nada neste mundo é duradouro, e, por tal, também a alegria do segundo minuto já não é tão viva como a do primeiro; ao terceiro minuto fica ainda mais fraca e, por fim, acaba por fundir-se com o estado de ânimo ordinário, como o círculo que a pedrinha faz na água se esbate e finalmente se funde na superfície lisa do charco. "

Nikolai Gógol em "O Nariz"

Sem comentários: