quinta-feira, 25 de dezembro de 2008

" Mas quando cheguei no dia seguinte e quis beijá-la, desviou a cara.
- Primeiro, tens que ler em voz alta.
Estava a falar a sério. Tive que lhe ler alto Emília Galotti durante meia hora antes de me meter no duche e me levar para a cama. Agora, até gostava de tomar banho. O desejo com que chegava, esvaía-se durante a leitura. Ler desta maneira um texto, de maneira a conseguir diferenciar minimamente os diferentes personagens e dar-lhes vida, requer uma certa concentração. Debaixo do duche, voltava-me o desejo. Ler alto, tomar banho, amar e ficar ainda um bocadinho deitados ao lado um do outro, tornou-se então no ritual dos nossos encontros. "

Bernhard Schlink em "O Leitor"

Sem comentários: