sexta-feira, 22 de maio de 2009

"Quando viajamos de férias numa motocicleta, vemos as coisas de uma maneira que é completamente diferente de qualquer outra. Num carro, estamos sempre num compartimento e, em virtude de estarmos habituados a isso, não temos consciência de que através da janela daquele carro tudo quanto vemos é apenas mais TV. Somos observadores passivos e tudo passa por nós enfadonhamente, numa moldura.
Numa motocicleta, a moldura desaparece. Estamos completamente em contacto com tudo. Estamos na cena e não já, apenas, a observá-la, e o sentimento de presença é avassalador."

Robert M. Pirsig in "Zen e a arte da manutenção de motocicletas"

2 comentários:

K disse...

Estás-me a despertar a curiosidade...

Olavo disse...

È verdade..sempre gostei mais de viajar de moto do que de carro..
Beijos