terça-feira, 7 de junho de 2011

" - Dado isso, perguntei, o que será o Amor ? Um mortal ?
- Que ideia !
- O quê, então ?
- Exactamente o que disse antes: um intermediário entre mortal e imortal.
- Mas ao certo, o quê, Diotima ?
- Um génio poderoso, Sócrates ! Pois todo o ser genial é um intermediário entre o humano e o divino."

Platão in "O Banquete"

Sem comentários: