domingo, 14 de agosto de 2011

Li "À mesa com Kafka" e ...

Apesar de ter sido publicado em Portugal em Novembro de 2006, ainda é possível encontrá-lo nas livrarias, fresco e pronto a ser consumido. E posso garantir-vos que é realmente delicioso ... ;)

O subtítulo deste livro, "Uma história da literatura mundial em 14 receitas", não poderia sintetizar melhor o seu conteúdo. Deparamo-nos com um conjunto de 14 contos, os quais correspondem a 14 receitas, sendo que a cada uma delas encontra-se associado o estilo literário de um determinado escritor.
A título de exemplo, cito alguns como "Sopa Rápida de Miso à la Franz Kafka", "Bolo Rico de Chocolate à la Irvine Welsh", "Tiramisu à la Marcel Proust", "Fenkata à la Homero", "Queijo Gratinado sobre Tostas à la Harold Pinter" ou "Tarte de Cebolas à la Geoffrey Chaucer". Jane Austen, Gabriel García Márquez, Marquês de Sade, Virginia Woolf ou Jorge Luis Borges foram outros dos autores degustados.

O que torna esta obra tão interessante é o facto de cada uma das iguarias não ser mais do que um pretexto para homenagear a arte literária de cada um dos autores.

Diverti-me imenso a ler este livro, que recomendo como "aquela prenda ideal" para quem gosta de ler e cozinhar.
Além de primar pela originalidade, conseguiu ser igualmente inspirador, a ponto de já estar em fase de retirar do frio um doce Nenúfar de Suspiro à la Claude Monet !
Sim, também vou incorporar suavemente na mistura uma pitada de pintores e filósofos q.b. de forma a conferir uma textura mais densa e aveludada ! ;)

( 46º livro lido em 2011 ... 7303 páginas lidas )

1 comentário:

miGuel pesTana disse...

Parece-me um livro delicioso :)

O titulo, a capa e as 14 ditas receitas, acho que a nivel publicitário está bem conseguido. Sim, porque come-se com os olhos também!

Dizes que te divertiu a leitura, portanto acho que é uma iguaria a ser consumida em breve, talvez.


boas leituras